domingo, 1 de janeiro de 2012

SPECTREMAN E A REPÚBLICA DO MAU GOSTO.

“Planeta: Terra. Cidade: Tóquio. Como todas as metrópoles do mundo, Tóquio se acha hoje em desvantagem na sua luta contra o maior inimigo do homem; a poluição. E apesar dos esforços das autoridades de todo o mundo, pode acontecer um dia que a terra, o ar e as águas venham a se tornar letais para toda e qualquer forma de vida. Quem poderá intervir?”

Cresci ouvindo e assistindo isso, a luta do herói do povo contra o Dr. Gory e seus monstros abomináveis, feitos de mangueiras de plástico e espuma barata, onde o bem sempre vencia o mal e a população estava sempre do lado do bem.

De uns anos prá cá comecei a notar a presença de um inimigo ainda mais poderoso que os infalíveis planos que o Dr. Gory tinha pra poluir a Terra, a total e completa disseminação do vírus do mau gosto, da mediocridade, da cultura à celebridade efêmera, dos altos índices de pessoas com um senso de “profissionalismo” de meia pataca e de meios de comunicação que foram infectados por esse vírus que nem H.G Wells poderia criar.

Acredito que Dr. Gory tenha perpetuado, enfim, seu mais diabólico plano, fazendo com que apáticos brasileiros tenham caído de joelhos ao batidão favelado do funk carioca, onde a musa disso tudo, bem que se parece com um monstro criado pelo próprio Dr. Gory. Existe ainda um novo conceito de televisão, jornalismo inteligente e de alto nível para a massa, quero dizer o povão mesmo, Pânicos, CQCs, com noticias de alto conteúdo, como por exemplo, “Hebe Camargo sai do SBT e vai para a RedeTV”. Mas aí me veio em mente as nossas mulheres, as mulheres brasileiras tão sensuais, e tão admiradas em todo o planeta! Antigamente a Playboy brazuca trazia as nossas deusas, com um certo glamour, aquela elegância safada que a gente esperava meses,só para abrir suas suculentas páginas,só que vamos ser sinceros, algum homem brasileiro acredita que a Paola de Oliveira vá tirar a roupa e se igualar com as periguetes do BBB e Panicats de plantão? Antigamente existiam publicações como a revista Fiesta e calendários automotivos feito do tamanho certo pra elas.

Mas já que toquei no assunto BBB, também temos que lembrar que se o BBB é uma merda, o A fazenda é ainda uma merda muito pior. Se BBB confina anônimos que serão famosos, o A Fazenda coloca famosos anônimos, se é que isso é possível, brigando e fazendo fofoca por um prêmio em dinheiro, mostrando de verdade de onde vieram e pra onde vão.

Porém o Brasil sempre foi o país da boa música, dos grandes compositores, Dr. Gory não poderia acabar com isso, engano nosso, no de 2011 vimos explodir uma das coisas mais insuportáveis que a musica já viu, a explosão do Sertanejo Universitário, com letras e temas tão limitados que o nome do movimento deveria ser Sertanejo “Universiotário”! Tudo bem o Brasil é o país do samba, mas que samba? Parangolé, Pixote? O que diria Cartola, Naelson Cavaquinho e Pixinguinha! Ah mas temos o rock’n’roll, esse sempre contestador, inovador com mensagens bacanas, e aí me vem à cabeça Restart, Hory, NX Zero, Pitty! Puta que o pariu não dá pra agüentar. Por isso me vem à cabeça a seguinte frase ou parágrafo.


“Planeta: Terra. País: Brasil. Como todos os países do mundo, o Brasil se acha hoje em desvantagem na sua luta contra o maior inimigo do homem; o mau gosto e ignorância. E apesar dos esforços das autoridades de todo o mundo, pode acontecer um dia que a terra, o ar e as águas venham a se tornar letais para toda e qualquer forma de vida cultural. Quem poderá intervir?” Infelizmente nem o Spectreman!

Nenhum comentário:

Postar um comentário